domingo, 28 de setembro de 2014

entre escritores

Passa das suas unhas
para o meu corpo:
um novo conto
escrito em minha pele.

Invadindo tua boca
te inspiro poemas:
quando expiro em seu pescoço
o beijo que roubei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário