sexta-feira, 1 de agosto de 2014

realidades

Esses dias me encontrei confabulando sonhos. Vivenciei, Cris(is), em poucos minutos, caminhos de vida que foram e puderam ser. Imaginários foram, foram em mim. Emergiram poesias, transbordaram delírios, afluíram angústias por novos prazeres que só se fazem possíveis no pensamento. Os mais fortes e mais intensos: desejo para mim, como todos, o melhor de tudo aquilo que posso imaginar.

Onírico, me encontro e continuo a escrever, fruindo sonho em minha realidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário